Sociedade Brasileira de Dermatolodia Surgical & Cosmetic Dermatology

GO TO

ISSN-e 1984-8773

Sumário

Volume 2
Número 3
2010





Artigos Originais

Estudo de 543 pacientes submetidos à lipoaspiração tumescente

Tumescent liposuction in 543 patients

Marcos Antonio Rodrigues Martinez, Renata Mie Oyama Okajima, Rodrigo Sestito Proto, Luciana de Matos Lourenço, Carlos D'Apparecida Santos Machado Filho

Resumo:

Introdução: A lipoaspiração é um dos procedimentos estéticos mais realizados, e sua segurança é sempre questionada.
Objetivo:Verificar a segurança e complicações operatórias da lipoaspiração tumescente, bem como parâmetros demográficos, antropométricos e técnicos, como gordura aspirada.
Métodos: Foram analisados retrospectivamente 543 pacientes submetidos à lipoaspiração pela técnica tumescente no centro cirúrgico do ambulatório da Faculdade de Medicina do ABC entre 2000 e 2005. Dados demográficos e antropométricos foram coletados e analisados, bem como dados referentes ao procedimento, como local aspirado, quantidade de solução tumescente infundida, volumes total e de gordura sobrenadante aspirados, além das com- plicações existentes.
Resultados: As mulheres representaram 98% de todos os pacientes estudados, a média de idade foi de 33±8 anos com índice de massa corpórea de 22±2 kg/m2 .O abdome foi o local mais abordado, e o percentual de gordura aspirado em relação ao peso corporal variou de 0,43 a 1,66, sendo em média 0,97±0,33 %. Só 1,2% dos pacientes tiveram complicações consideradas leves e que foram tratadas rápida e adequadamente.
Conclusões: Pudemos confirmar que a lipoaspiração pela técnica tumescente é procedimento muito seguro quando realizado por dermatologistas e cirurgiões plásticos devidamente treinados.


Palavras-Chave: LIPECTOMIA, PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS AMBULATÓRIOS, COMPLICAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS, COMPLICAÇÕES INTRAOPERATÓRIAS

Estudo comparativo da aplicação de CRMDex® em igual volume em uma versus duas sessões para correção dos sulcos nasogenianos

CRMDex® injections in nasolabial folds

Meire Brasil Parada, Samira Yarak, Érica Monteiro, Karime Marques Hassun, Sérgio Talarico, Ediléia Bagatin

Resumo:

Introdução: O interesse por procedimentos minimamente invasivos para o rejuvenesci- mento facial proporcionou o desenvolvimento da técnica de preenchimento cutâneo para rugas e sulcos.O ácido hialurônico é um dos preenchedores mais populares, considerado menos imunogênico e mais seguro.
Objetivos: avaliar e comparar a eficácia, segurança e duração do efeito da aplicação do preenchedor CRMDex® nos sulcos nasogenianos, em sessão única e em duas sessões.
Métodos: ensaio clínico, aberto, com randomização dos sulcos nasogenianos e compara- tivo entre duas técnicas.Trinta mulheres, de 30 e 60 anos de idade, com acentuação simé- trica dos sulcos nasogenianos de grau leve a moderado foram submetidas à aplicação intra- démica de CRMDex®.Três dermatologistas independentes avaliaram a eficácia utilizando a escala Wrinkles Severity Rating Scaling.
Resultados: o tratamento realizado em duas sessões não se diferenciou do realizado em uma sessão, pois ambos proporcionaram diminuição de pelo menos um grau na escala Wrinkles Severity Rating Scaling com similar duração do efeito preenchedor. Os efeitos adversos locais mais frequentes (dor, eritema e edema) ocorreram durante a injeção e melhoraram espontaneamente.
Conclusões: não houve otimização da resposta terapêutica com a injeção de volumes menores por sessão. Parece que volumes maiores podem aumentar o risco de efeitos adversos locais.


Palavras-Chave: ÁCIDO HIALURÔNICO, REAÇÕES BIOLÓGICAS , DERME, CICATRIZ

Estrias de distensão na gravidez: estudo comparativo dos fatores de risco entre primíparas de maternidades do sistema público de saúde e particular

Stretch marks: risk factors

Marcus Maia, Carolina Reato Marçon, Sarita Bartholomei Rodrigues, Tsutomu Aoki, Antonio Rahme Amaro

Resumo:

Introdução: Estrias de distensão são lesões cutâneas lineares, atróficas, bem definidas e secundárias a alteração do tecido conjuntivo.A etiologia parece ainda obscura.
Objetivo: Avaliar e comparar os fatores de risco para a ocorrência de estrias de disten- são, durante a gravidez, de primíparas, encontrados na maternidade do sistema público de saúde e de uma maternidade particular.
Métodos: Estudo observacional, transversal, descritivo, com puérperas após 48 horas do parto atendidas durante quatro meses no sistema público de saúde e na maternidade par- ticular (n= 324).
Resultados: Os fatores de risco, que apresentaram significância estatística, foram iguais para os dois grupos: idade materna e peso do recém-nascido. Das mulheres com 25 anos ou menos, 70,1% desenvolveram estrias durante a gestação, contra 29% das mulheres com mais de 25 anos. E, quanto maior o peso do recém-nascido, maior a proporção de mu- lheres com estrias na gestação.
Conclusões: As mulheres da rede pública desenvolveram mais estrias na gestação porque eram mais jovens. Sendo assim, para a população em estudo, as mulheres com 31 anos ou mais apresentaram na idade fator de proteção para o surgimento de estrias na gestação. Assim como as mulheres cujos recém-nascidos apresentaram peso inferior a 3.500g.


Palavras-Chave: GRAVIDEZ, DERME, FATORES DE RISCO

Peeling de ácido láctico no tratamento do melasma: avaliação clínica e impacto na qualidade de vida

Lactic acid chemical peel in melasma

Geraldo Magela Magalhães, Maria de Fátima Melo Borges, Patrícia Januzzi Vieira e Oliveira, Daniela Rezende Neves

Resumo:

Introdução: O melasma caracteriza-se por máculas hipercrômicas adquiridas,principal- mente na face,que atingem frequentemente as mulheres,com verdadeira incidência des- conhecida.O objetivo do tratamento é o controle da doença,e várias opções são dispo- níveis.O Índice de área e gravidade do melasma - MASI é medida útil na avaliação clí- nica do melasma,e o Melasma Quality of Life Scale - MELASQoL,instrumento capaz de verificar objetivamente o impacto na qualidade de vida dos pacientes.
Objetivo: avaliar,através do MASIe MELASQoL,o efeito do peeling de ácido láctico em pacientes portadores de melasma.
Métodos: 33 pacientes portadoras de melasma,predominantemente do fototipo IV, foram submetidas a peelings seriados de ácido láctico 85% (solução hidroalcolica,pH=3,5). Foram realizadas avaliação clínica,através do MASI,e avaliação de impacto na qualidade de vida,através do MELASQoL,pré e pós-tratamento.
Resultados: observou-se redução significativa de ambos os índices após tratamento, tendo sido de sete pontos a queda média do MASI.Não foi observada correlação entre a variação do MASIe do MELASQoL,denotando que a melhora clínica nem sempre cor- responde ao grau de expectativa das pacientes em relação ao tratamento.
Conclusões: o peeling de ácido láctico alia efetividade no tratamento do melasma com bom perfil de segurança.


Palavras-Chave: MELANOSE, ÁCIDO LÁCTICO, TERAPÊUTICA, QUALIDADE DE VIDA

Tratamento cirúrgico da onicocriptose: excisão do tecido mole circunjacente ao leito ungueal utilizando radioeletro-cirurgia e criocirurgia

Radioelectrosurgery and cryosurgery in ingrown nails

Carmélia Matos Santiago Reis, Eugênio G.M. Reis Filho

Resumo:

Introdução: A onicocriptose ou unha encravada é processo doloroso originário da penetração da lâmina ungueal no tecido mole circunjacente.Várias opções terapêuticas, cirúrgicas ou conservadoras são utilizadas. Em contraste com outros tratamentos invasivos, a técnica combinada da radioeletrocirurgia com criocirurgia não causa dano permanente à matriz ou prega ungueal, tendo várias vantagens em relação aos tratamentos usuais.
Objetivo: Avaliar eficácia e segurança da associação de radioeletrocirurgia e criocirurgia no tratamento da unha encravada.
Métodos: Estudo retrospectivo observacional. Dezesseis pacientes com onicocriptose, foram submetidos à eletrocirurgia com radiofrequência para remoção do tecido de granulação pro- movendo a acomodação da lâmina ungueal, seguida de congelamento com nitrogênio líquido.
Resultados: Após 10 dias os pacientes relataram melhora do desconforto causado por sua patologia, podendo retomar o uso de sapatos.Durante o seguimento, de 24 meses, apenas um paciente apresentou recidiva em uma das unhas, sendo repetida a técnica.
Conclusões: A técnica descrita mostrou-se conveniente devido à fácil execução, ao baixo custo, aos bons resultados cosméticos e à satisfação do paciente.


Palavras-Chave: UNHAS ENCRAVADAS, CRIOTERAPIA, RADIOCIRURGIA, ELETROCIRURGIA, CRIOCIRURGIA

Estudo comparativo de uso de Laser de diodo (810nm) versus luz intensa pulsada (filtro 695nm) em epilação axilar

Diode laser versus intense pulsed light in axillary epilation

Fernanda Homem de Mello de Souza, Camila Ferrari Ribeiro, Silvelise Weigert, Juliano Villaverde Schmidt, Lincoln Zambaldi Fabricio, Deborah Skusa de Torre Ataíde

Resumo:

Introdução: Laser de diodo e luz intensa pulsada estão entre as tecnologias mais uti- lizadas para fins epilatórios.
Objetivo: Comparação entre essas técnicas na epilação axilar.
Métodos: 15 pacientes de fototipos II e III foram submetidas a três sessões regulares de luz intensa pulsada (695nm) – Plataforma Quantum HR® (Lumenis,Yokneam, Israel) na axila direita e Laser de diodo (810nm) – Light Sheer ® (Lumenis,Yokneam, Israel) na axila esquerda. Foi realizada contagem de pelos pré e pós-tratamento, além de aplicado ques- tionário sobre efeitos adversos, dor e satisfação das pacientes.
Resultados: O escore de dor foi significativamente maior para a luz intensa pulsada, assim como o grau de inflamação (p<0,01 e p=0,03).Houve correlação significativa entre a fluência utilizada, a dor atribuída e o grau de inflamação para as duas técnicas (p<0,05). Ambas as técnicas proporcionaram redução significativa e semelhante na densidade de pelos. As pacientes consideraram o resultado final similar, porém à luz intensa pulsada foram atribuídos maiores efeitos colaterais. Não houve diferença na proporção de prefe- rência entre os diferentes métodos (p=0,80).
Conclusão: Na amostra estudada, com os parâmetros descritos, houve menor dor e incidência de efeitos colaterais com o uso do Laser de diodo em comparação à luz inten- sa pulsada, e eficácia semelhante entre as duas técnicas.


Palavras-Chave: DEPILAÇÃO, PELOS, LASERS

Estudo piloto dos padrões de contração do músculo frontal

Frontalis muscle contraction patterns

Andre Vieira Braz, Thais Harumi Sakuma

Resumo:

Introdução: Características anatômicas distintas e espectros cinéticos variados determinam padrões de contração da musculatura frontal peculiares a cada pessoa.
Objetivo: Identificar e classificar os padrões de contração da musculatura frontal de pacientes que procuraram atendimento para tratamento de rugas frontais.
Métodos: Análise retrospectiva de fotografias de 83 pacientes. O padrão de contração muscular foi classificado de acordo com a área hipercinética predominante, observada na fotografia em contração máxima do músculo frontal.
Resultados: Foram identificados três padrões de contração: total, medial e lateral. O padrão total foi observado em 50,6% dos casos.As rítides horizontais presentes no centro da fronte avançam lateralmente além da linha mediopupilar, até o final da cauda das sobrancelhas. O padrão medial foi observado em 25,3% dos casos.As rítides horizontais concentram-se na região central da fronte, contidas predominantemente entre as linhas mediopupilares. O padrão lateral foi observado em 24% dos casos.As rítides horizontais predominam nas laterais da fronte, a maioria ocorrendo após a linha mediopupilar.
Conclusões: A identificação e classificação dos padrões de contração do músculo frontal permitem avaliação mais individualizada de cada paciente, o que é um dos pilares mais importantes para um plano terapêutico bem-sucedido.


Palavras-Chave: A TOXINA BOTULÍNICA TIPO A, CONTRAÇÃO MUSCULAR, CLASSIFICAÇÃO

Educação médica continuada

Anatomia da face aplicada aos preenchedores e à toxina botulínica – Parte I

Facial anatomy

Bhertha M.Tamura

Questões e Gabaritos do número anterior


Resumo: O uso da toxina botulínica e das técnicas de preenchimento trouxeram novo interesse no estudo da anatomia facial. Para melhor avaliação da influência das estruturas da face no processo do envelhecimento, são necessários profundo conhecimento da constituição da epiderme, derme e tecido subcutâneo, estudo dos limites dos segmentos faciais e dos ossos da face, assim como da musculatura, vascularização, inervação sensitiva e motora e drenagem linfática da face.A visão mais ampla da anatomia da face contribui para aprimorar as técnicas de aplicação de preenchimento e toxina botulínica.


Palavras-Chave: ANATOMIA, TOXINA BOTULÍNICA TIPO A, INJEÇÕES INTRADÉRMICAS

Artigo de revisão

Diretrizes modernas no tratamento da acne vulgar: da abordagem inicial à manutenção dos benefícios clínicos

Guidelines in the treatment of acne

Suelen Montagner, Adilson Costa

Resumo: Afecção multifatorial presente no cotidiano dos consultórios médicos de modo geral, em especial nos dermatológicos, a acne tem sido foco constante de estudos que desvendam cada vez mais detalhes de sua fisiopatologia e possibilitam refinamento terapêutico de modo a atingir, senão todos, a maioria de seus fatores patogênicos. Este artigo visa destacar as associações e combinações terapêuticas no manejo da acne, ressaltando-a como doença crônica que cursa com recorrências e necessita de manutenção terapêutica não só eficaz, mas, principalmente, segura.


Palavras-Chave: ACNE VULGAR, ACNE VULGAR/FISIOPATOLOGIA, FAMACORRESISTÊNCIA BACTERIANA

Celulite: artigo de revisão

Cellulite: review article

João Paulo Junqueira M Afonso, Thaís Cardoso de Mello Tucunduva, Maria Valéria Bussamara Pinheiro, Ediléia Bagatin

Resumo: Apesar de o termo celulite ser inadequado, já que não se trata de inflamação ou infecção do tecido celular subcutâneo, está consagrado pelo uso para definir condição feminina caracterizada pelo aspecto ondulado da pele de algumas áreas corporais. Constitui queixa frequente e problema importante para a maioria das mulheres e, por ter etiopatogenia complexa, multifatorial e incompletamente conhecida, não há tratamento eficaz e definitivo. Sendo assim, proporciona uma gama de propostas terapêuticas sem evidências científicas suficientes e outras baseadas em publicações de qualidade questionável. Sabe-se que tratamentos tópicos são ineficazes, embora alguns possam ser coadjuvantes.Até o momento, não há tecnologia disponível que possa corrigir as alterações estruturais do tecido adiposo feminino e da derme profunda.A perspectiva, sem dúvida, dependerá de tecnologia baseada no princípio da fototermólise seletiva para a gordura superficial da hipoderme e para a derme profunda. Este artigo apresenta uma revisão da epidemiologia, etiopatogenia, histologia, classificação clínica, métodos para diagnóstico e avaliação e tratamento da celulite.


Palavras-Chave: CELULITE, CELULITE/HISTOPATOLOGIA, CELULITE/TRATAMENTO

Relatos de casos

Análise clínica de 16 pacientes consecutivos tratados com LUX 1540® para rejuvenescimento

Fractional non-ablative lasers in rejuvenation

Ana Beatriz Palazzo Carpena El Ammar, Valéria Barreto Campos, Rodrigo Pereira Duquia

Resumo:

Introdução: O tratamento do envelhecimento cutâneo com Lasers fracionados não abla- tivos tem sido muito divulgado nos últimos anos, embora o número de publicações, com aparelhos específicos, ainda seja pequeno.
Objetivo: Descrever o grau de satisfação do paciente e de um dermatologista avaliador após o tratamento com o aparelho Lux 1540®.
Métodos: Estudo retrospectivo com 16 pacientes que realizaram a terapia para rejuve- nescimento facial com o Lux 1540®. Foi realizada análise fotográfica por dermatologista, não envolvido nos tratamentos, e os pacientes foram questionados quanto ao grau de satis- fação antes e após três sessões.As variáveis avaliadas foram manchas, flacidez, rugas, poros dilatados, telangiectasias e satisfação geral.
Resultados: Na avaliação do dermatologista ocorreu melhora considerada boa ou exce- lente na maioria dos pacientes, em todos os critérios estudados. Em relação à melhora do aspecto geral, 82% dos avaliados apresentaram melhora considerada boa ou excelente. Em relação à observação dos pacientes, 63% deles referiram satisfação geral boa a excelente.
Conclusões: A terapia com Lux 1540® para rejuvenescimento da face pode ser alterna- tiva com resultados satisfatórios, tornando-se boa opção para os pacientes que não dese- jam ou não podem submeter-se a tratamentos mais agressivos.


Palavras-Chave: LASERS, ENVELHECIMENTO DA PELE, TERAPIA A LASER

Dermatofibroma aneurismático

Aneurysmatic dermatofibroma

José Roberto Pegas, Bianca Almeida dos Santos, Ivana Dias Ferreira do Prado, Antônio José Tebcherani, Karine Valentim Cade

Resumo: Apresenta-se caso clínico de variante rara de dermatofibroma (tipo aneurismático) em paciente do sexo feminino de 72 anos de idade, cuja lesão se localizava na dobra flexural do membro superior direito, resultante de proliferação mesenquimal associada à vasos sanguíneos e hemorragia tecidual, com características histológicas próprias e bem definidas. Os objetivos desta descrição foram a raridade da lesão e a importância que ela assume, do ponto de vista histopatológico, quando comparada no diagnóstico diferencial com outros tumores benignos e malignos e a terminologia utilizada atualmente.


Palavras-Chave: HISTIOCITOMA FIBROSO BENIGNO, HISTIOCITOMA FIBROSO MALIGNO, HEMOSSIDERINA

Pérolas cirúrgicas

Lesões vasculares tratadas com cerclagem e radiofreqüência

Cerclage and radiofrequency in hemangiomas

Maria Isabel Cárdenas, Luciana de Abreu, Nathalia Anaya, Ana Beatriz Solano Novellino, Joaquim Mesquita Filho

Resumo: Hemangioma capilar é tumor benigno de células endoteliais, comum na infância, com história natural de involução espontânea. As manchas vinho do porto são malformações vasculares constituídas por dilatações capilares e caracterizadas inicialmente por manchas de coloração rosada a vermelho-violácea. Presentes ao nascimento, são habitualmente permanentes, podendo tornar-se espessadas e causar deformidades. Muitos tratamentos têm sido propostos – crioterapia, cirurgia, corticoterapia, radioterapia e laserterapia –, porém envolvem dificuldades técnicas, alto custo, complicações ou resultados inestéticos. Neste trabalho, propõe-se nova associação de técnicas, de fácil execução e baixo custo: a cerclagem percutânea e eletrocirurgia por radiofrequência para tratamento de lesões hipertróficas de origem vascular.


Palavras-Chave: HEMANGIOMA, CIRURGIA, TERAPÊUTICA

Eletrocoagulação fracionada para o rejuvenescimento da região orbital inferior

Fractional electrocoagulation

Daniel Dal’Asta Coimbra

Resumo: Diferentes técnicas têm sido descritas na literatura para o rejuvenescimento da pele na região periorbital inferior, incluindo desde os peelings químicos até tecnologias mais atuais, como os Lasers. Inúmeros avanços têm sido obtidos, porém nem sempre os resultados são satisfatórios. Descrevemos nova técnica para o rejuvenescimento da região orbital inferior através da eletrocoagulação puntual das camadas superficiais da pele.


Palavras-Chave: PELE, ÓRBITA, REJUVENESCIMENTO

Como eu faço ?

Peeling químico médio em lesões papulonodulares de rosácea

Chemical peel in rosacea

Izelda Maria Carvalho Costa, Kleyton de Carvalho Mesquita

Resumo: A rosácea é doença cutânea prevalente, de curso crônico e recidivante. Seu tratamento é,muitas vezes, desafiador.Com frequência, é necessário lançar mão de tratamentos não padronizados para conseguir resultados satisfatórios.Relata-se, em 15 pacientes, o uso de peeling médio com solução de Jessner seguido de ácido tricloroacético a 35%, em sessão única, alcançando bom resultado clínico, acompanhado de melhora histopatológica. O uso do peeling médio deve, portanto, ser considerado no arsenal terapêutico para o tratamento da rosácea.


Palavras-Chave: ROSÁCEA, ABRASÃO QUÍMICA, ÁCIDO TRICLOROACÉTICO, RESORCINÓIS, ÁCIDO SALICÍTICO

Editorial

Caros amigos dermatologistas

Dear dermatologist friends

Resumo:


© 2017 Sociedade Brasileira de Dermatologia - Todos os direitos reservados

GN1 - Sistemas e Publicações